Nº 385 - ANO 29 - DE 0000
 
Escolas recebem revistas do Agrinho
 
As revistas do Agrinho começaram a chegar, na segunda quinzena de setembro, para as escolas inscritas na 13ª edição do concurso. O programa do Senar-RS premia os melhores trabalhos nas categorias desenho, texto e experiência pedagógica. O tema deste ano é Meio Ambiente.
Voltado a escolas da rede pública do Rio Grande do Sul, o material auxilia as instituições no desenvolvimento das atividades em sala de aula que posteriormente serão inscritas na seleção. Aproximadamente 3 mil escolas públicas recebem o material, divido entre educação infantil, séries iniciais e séries finais. A expectativa é alcançar 482 mil alunos, movimentando 33 mil professores em 379 municípios gaúchos. Cada professor tem liberdade para conduzir as atividades e tarefas como desejar.
Conforme o superintendente do Senar-RS, Gilmar Tietböhl, o tema é um dos preferidos dos participantes e, por isso, se espera crescimento no volume de trabalhos inscritos no Agrinho. As premiações ocorrem em nível regional e estadual para três categorias: educação infantil, séries iniciais e finais, além de premiar a melhor experiência pedagógica dos professores.
Informações sobre o processo de inscrição para o concurso estão disponíveis na revista e no site www.senar-rs.com.br. A entidade também disponibiliza o email agrinho@senar-rs.com.br e o telefone (51) 3215-7500, em caso de dúvidas.
Por meio da experiência pedagógica, o Programa Agrinho, criado em 2003, esteve presente no ano passado em cerca de 320 municípios e impactou aproximadamente 450 mil alunos do Rio Grande do Sul. O Agrinho tem o objetivo de desenvolver ações que propiciem o despertar da cidadania, além do acesso a informações relativas à saúde e à preservação do meio ambiente. Ele é voltado para alunos e professores, mas também, indiretamente, à família e à comunidade em que a escola está inserida.
voltar