Jornal em Formato HTML
 
Nº 424 - ANO 33 - JANEIRO DE 2019
 
Agricultores da Serra Gaúcha qualificam práticas com BPA
 
Mais 171 produtores rurais da Serra Gaúcha concluíram capacitação de Boas Práticas Agrícolas (BPA) na produção de uva para processamento. A entrega dos certificados ocorreu em 4 de dezembro, na sede da Embrapa Uva e Vinho, de Bento Gonçalves. O treinamento faz parte do Programa Alimentos Seguros (PAS Uva), gerenciado pelo Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), com execução de Senar-RS, Sebrae/RS e apoio técnico da Embrapa. Dez vinícolas também receberam declaração de implantação do programa.
Desde o início do projeto, em 2013, mais de 800 vitivinicultores e 100 empresas foram atendidas no Estado, em 12 municípios. Treinamentos com outros 200 produtores acontecem atualmente, em 2018/2019. De acordo com a coordenadora do projeto, Janine Lisboa, o objetivo é auxiliar os agricultores a adequarem as propriedades às exigências da legislação, reduzindo os riscos de contaminação e implementando a rastreabilidade dos produtos.
Como exemplo, 160 produtores participaram, entre os meses de outubro e novembro, de treinamento técnico em tecnologia de aplicação de agroquímicos. O roteiro, no formato dia de campo, passou por Antônio Prado, Caxias do Sul, Farroupilha, Bento Gonçalves, Cotiporã, Garibaldi e Monte Belo do Sul. A duração total do BPA é de 52 horas/aula. Interessados devem contatar o Ibravin pelo telefone: (54) 3455-1800.
A entrega dos certificados foi a última atração de seminário técnico na sede da Embrapa Uva e Vinho, em Bento Gonçalves, que discutiu aspectos da cadeia produtiva da vitivinicultura.
voltar